Semearhis - Semeando Impacto Social

Dia da família - equidade, diversidade e autonomia

Dia da família - equidade, diversidade e autonomia

Muitas e boas diferenças na família

Assessoria de Imprensa BLOG 341 views 3 min. de leitura

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Whatsapp
  • Compartilhar no Linkedin
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar por E-mail

Eu e Patrícia construímos uma família linda, somos nós e nossas 3 filhas maravilhosas. Cada qual possui suas próprias particularidades, contudo, as 3 carregam em si a personalidade de mulher forte, característica que muito me orgulha.

Nesse dia da família, vou contar de forma breve sobre cada uma das integrantes dessa família que possui muita equidade, diversidade e autonomia.

Dia da família - equidade, diversidade e autonomia

Patrícia, minha amada, certamente foi encomenda divina. Além do mesmo nome - Patrícia Fernanda - nascemos num mesmo 18 de julho. Linda por dentro e por fora, é uma das minhas principais conselheiras e a melhor mãe que eu poderia ter escolhido para as meninas.

Ana Cibele, a primeira, se parece muito comigo: é craque no volante e tem bom gosto para a música e para o ponto certo do churrasco! Agora falando sério, ela é uma profissional e empresária de olhar aguçado, que possui o equilíbrio perfeito entre a meiguice e a força. Tudo isso em uma só pessoa. É a melhor irmã mais velha que as outras poderiam ter.

Tathiana, a do meio, é artista, escritora, influencer, palestrante e ativista da inclusão das pessoas com deficiência. Tem a desenvoltura de quem já se apresentou na ONU, em palcos na Itália, Nova Iorque e Miami, onde ganhou uma premiação com sua peça e o primeiro visto O1 de habilidades extraordinárias para uma pessoa com a T21. É a melhor pra nos ensinar sobre resiliência e garra.

Debora, a caçula, além de ótima cantora e dançarina, é consultora. Formou-se e fez a pós na Europa e, apesar de muito jovem, já morou e trabalhou em Dubai, hoje está em Londres. A Debora tem um equilíbrio excelente entre as competências técnicas e emocionais e, assim como as outras, nos dá muito orgulho! É a melhor filha caçula que poderíamos ter, com ela fechamos uma família com muitas e boas diferenças.

A missão sempre foi procurar estimular a autonomia delas. Empoderamos cada uma respeitando o jeito e a individualidade durante cada fase, impulsionando-as a ocupar o lugar de protagonista em suas vidas. Durante toda a jornada buscamos oferecer, no máximo o mínimo que precisavam, motivando que fizessem por elas mesmas, a busca pela autonomia e independência.

Nossas 3 filhas são diferentes e, dependendo da situação têm necessidades distintas umas das outras, portanto, não seria adequado que disponibilizássemos sempre o mesmo para elas. Em alguns aspectos umas precisam de mais apoio do que as outras. Já em outras questões, as outras precisam de menos apoio que as irmãs. Por intuição, sempre praticamos a equidade com o equilíbrio entre as suas necessidades e os devidos apoios. Como família, queremos que todas alcancem a plenitude da vida e da felicidade, independente das diferenças entre elas.

É como diz a Tathi: “na nossa família sempre me senti tratada igual. Amo sair para baladas com amigos com e sem a síndrome de Down e me sentir incluída na sociedade assim como na minha família, tudo junto e misturado!”.

Que privilégio ter uma família com tanta diversidade.

 

Por Fernando V Heiderich

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Whatsapp
  • Compartilhar no Linkedin
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar por E-mail
Assessoria de Imprensa
Assessoria de Imprensa

A Semearhis é uma startup de impacto social voltada para o relacionamento humano, especializada na inclusão assertiva de pessoas com deficiência (PCD)

Todas as publicações do(a) autor(a)

Olá, deixe seu comentário para Dia da família - equidade, diversidade e autonomia

Enviando Comentário Fechar :/
Artigos Relacionados
CONTRASTE
DALTÔNISMO
CONFIGURAÇÃO ORIGINAL